menciona estupro 

@amber @olivia na raiva não escrevi, andando SEM GUIAAAA!! 🤬

menciona estupro 

@amber @olivia eu acabei de ver um cachorro quase sendo atropelado, dois arrombados andando cada um de um lado da rua com seus dogs, um deles atravessa, por muita sorte tinha fechado o sinal, a rua aque tem bastante movimento, e por muita sorte não eram agressivos ou dispararam no meio da rua.

O dono do q ñ atravessou reclamando e eu pagando de louca gritando q os dois tavam errados. Vontade de esbofetear todos envolvidos.

@amber @olivia esse papo de cruzar uma vez, milagre da vida, netinho é balela né

@amber @olivia sim, é uma coisa super especifica e pouco estudada ainda.
os meus foram castrados na adolescencia, 6, 7 meses e n sei se esperaria não

@amber @olivia tem um fundo não na castração/cruza, mas em cães parece que o ideal (num mundo perfeito onde todos tutores tem bom senso de n sair fazendo filhote de fundo de quintal) é bom esperar até terminar o desenvolvimento, lá pra 1 ano pra diminuir a chance de osteossarcoma.
Mas tipo, tem uns dois estudos sobre isso com raças específicas.
vrcc.com/oncology/does-early-c

@cevado no q eu puder ajudar a pesar pros e contras, estamos as ordens

Machismo a 100km/h 

@negobiel q bosta, torcendo pelo novo emoreguerson, na hora a gente fica tão besta de estar ouvindo aquilo q fica sem reação mesmo.

@PRosso @olivia @dobrado @cevado @foo_luke no fim meio q acostuma mas irrita qdo ñ é vc que tá teclando, a hora q para rola um alivio sensorial huehuehue

@olivia @dobrado a gente fica em salas diferentes mas esse teclado em especifico dava pra ouvir mto alto

@dobrado pois é, eu ñ ligo de ser mecanico se não for agudo
Ele tinha um antigo da IBM q ñ me incomodava, mas esse ultimo era um click ardido

Claus trocou de teclado, pra um q ñ faz click e eu sou uma pessoa muito mais feliz agora :heart:

@foo_luke @dobrado qdo postei só tinha visto o titulo da live, tava sabendo de nada.

Mostrar mais antigos
Mastodon Brasil

O mastodon.com.br é uma instância voltada para falantes de português brasileiro. Com a intenção de ser um espaço acolhedor e menos tóxico, tentamos ser uma instância que abriga pessoas de todas nacionalidades, etnias, formatos de corpos, gêneros, de identidades e orientações sexuais diversas, feministas, neurodivergentes, independente de religião, raça e orientação política.